Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Mesa de Criação /20

IDModRequireItemClassesUnlock
ZanaQuantidade de Itens encontrados nesta Área aumentada em 1%Mapa, Fragmento de MapaNível 1
ZanaQuantidade de Itens encontrados nesta Área aumentada em 2%Mapa, Fragmento de MapaNível 3
ZanaQuantidade de Itens encontrados nesta Área aumentada em 3%Mapa, Fragmento de MapaNível 5
ZanaQuantidade de Itens encontrados nesta Área aumentada em 4%Mapa, Fragmento de MapaNível 7
ZanaQuantidade de Itens encontrados nesta Área aumentada em 5%Mapa, Fragmento de MapaNível 9
ZanaQuantidade de Itens encontrados nesta Área aumentada em 6%Mapa, Fragmento de MapaNível 11
ZanaQuantidade de Itens encontrados nesta Área aumentada em 7%Mapa, Fragmento de MapaNível 13
ZanaQuantidade de Itens encontrados nesta Área aumentada em 8%Mapa, Fragmento de MapaNível 15
ZanaSorte Favorece os Corajosos3x Orbe do CaosMapaNível 5
ZanaAternativa do Mesmo Tier (Tier 1-10)1x Orbe do CaosMapaNível 5
ZanaRemodelado (Tiers 1-5)2x Orbe do CaosMapaNível 10
ZanaRemodelado (Tiers 1-10)6x Orbe do CaosMapaNível 14
ZanaAncião (Tiers 1-15)15x Orbe do CaosMapaNível 16
Zanamap_set_league_category [13]
Área é habitada por 3 Mercenários adicionais
2x Orbe do CaosMapaNível 2
ZanaÁreas podem conter Abismos
Área possui um Abismo adicional
map_set_league_category [24]
2x Orbe do CaosMapaNível 4
ZanaÁrea contém 3 Cofres extras
map_set_league_category [7]
3x Orbe do CaosMapaNível 6
ZanaCada Grupo de Monstros Mágicos possui uma Linhagem
map_set_league_category [12]
Área contém 3 grupos de Monstros Mágicos adicionais
3x Orbe do CaosMapaNível 9
ZanaÁrea contém 5 grupos de Monstros Raros adicionais
Cada Monstro Raro possui uma Propriedade Nêmesis
map_set_league_category [6]
4x Orbe do CaosMapaNível 12
ZanaÁrea pode conter Fendas
Área contém 2 Fendas adicionais
map_set_league_category [21]
4x Orbe do CaosMapaNível 15
ZanaÁrea pode conter Emissários Misteriosos
Área contém 2 Emissários extras
map_set_league_category [23]
4x Orbe do CaosMapaNível 16

Zana /211

TitleNome
Introdução{Meu nome é Zana, mas eu já sei quem você é. Eu também sei o que você fez, exilado. Se não fosse por você, nenhum de nós estaria aqui ainda. Talvez nem houvesse um "aqui" para estarmos.}{Meu nome é Zana, mas eu já sei quem você é. Eu também sei o que você fez, exilada. Se não fosse por você, nenhum de nós estaria aqui ainda. Talvez nem houvesse um "aqui" para estarmos.}
Dispositivo de Mapas{Este dispositivo de mapas é um milagre da engenharia e da taumaturgia. É, sem dúvidas, surpreendente.

Com as coordenadas certas de um mapa, este dispositivo pode levá-lo a lugares que... bem, honestamente, eu acho que é mais fácil você ver por si mesmo do que ele é capaz.

O que lhe aguarda é perigoso, mas você também é. Porém, talvez mesmo o matador de deuses não seja perigoso o suficiente.

Pegue um Mapa e use-o neste dispositivo. Eu te espero do outro lado.}{Este dispositivo de mapas é um milagre da engenharia e da taumaturgia. É, sem dúvidas, surpreendente.

Com as coordenadas certas de um mapa, este dispositivo pode levá-lo a lugares que... bem, honestamente, eu acho que é mais fácil você ver por si mesma do que ele é capaz.

O que lhe aguarda é perigoso, mas você também é. Porém, talvez mesmo a matadora de deuses não seja perigosa o suficiente.

Pegue um Mapa e use-o neste dispositivo. Eu te espero do outro lado.}
O AtlasComo anda sua mente? Bom. Então há algo que preciso lhe mostrar. Passei um tempo explorando os mapas, e apesar de sua aparente aleatoriedade, existem fios que os conectam. Fios que precisamos seguir.

Quanto mais entendermos estas conexões, mais cada um desses mapas nos oferecerá, e mais perto conseguiremos chegar de encontrar o que os está corrompendo.

Esse é o Atlas dos Mundos, e podemos usá-lo para traçar essas conexões; podemos usá-lo para mapear um caminho.
O Arquiteto OcultoEsses mundos, eles mudaram desde a última vez. Se tornaram mais sombrios, mais... Distorcidos de forma à trair sua própria origem.

Eu não mais acredito que esses reinos aconteceram por acaso, ao invés disso, devem ter sido formulados por uma mente consciente... um designer ou arquiteto. Todas as sombras nesse lugar arrepiam com um propósito imprevisível.

O que quer que esteja lá formando esses mundos me preocupa. Nós deveríamos encontrar a fonte da escuridão e dar um fim nela antes que algo vaze para a nossa realidade.
O Arquiteto OcultoEsses mundos, eles mudaram desde a última vez. Se tornaram mais sombrios, mais... Distorcidos de forma à trair sua própria origem.

Eu não mais acredito que esses reinos aconteceram por acaso, ao invés disso, devem ter sido formulados por uma mente consciente... um designer ou arquiteto. Todas as sombras nesse lugar arrepiam com um propósito imprevisível.

O que quer que esteja lá formando esses mundos me preocupa. Nós deveríamos encontrar a fonte da escuridão e dar um fim nela antes que algo vaze para a nossa realidade.
O Arquiteto OcultoEu não fui completamente honesta com você... Eu suspeitava que meu pai estava envolvido em tudo isso, agora esse fragmento de memória prova seu envolvimento de forma que eu não havia antecipado... Desculpe por esconder a verdade de você. Eu estava preocupada que, se você soubesse a verdade, não me seguiria nesse pesadelo...

Vamos começar novamente. Eu preciso de sua ajuda. Minha memória está turva, mas te contarei tudo que consigo me lembrar. Quando era criança, meu pai e eu, nós fomos... separados. Me disseram que ele havia se perdido no reino fora da terra quando o Atlas se fechou, e os homens que o temiam o despedaçaram. Eu gastei minha vida inteira tentando juntar as peças e reparar sua máquina. Há alguns anos atrás, eu consegui. Mas agora que o encontramos, algo não está certo... Meu pai era um homem bom e equilibrado. Uma boa pessoa e um ser humano amável. Nada como aquela... coisa que você acabou de ver!

Por favor, tome isso. Eu a encontrei enquanto explorava. Com sorte ele nos ajudará a amenizar as coisas... e se você continuar me ajudando, prometo que encontrarei uma forma de valer a pena para você.
O Criador{Aquela criatura que você encontrou nos mapas, ele estava... Modelando as coisas. Talvez ele seja o arquiteto que você está procurando.

Havia algo a respeito dele, exilado, algo que eu não consigo entender... Talvez... Não. Esse "Criador" pode ter as respostas.

Continue suas explorações, rastreie esse homem misterioso mais uma vez e o questione, para que nós possamos aprender para que exatamente esses mundos estão sendo criados.}{Aquela criatura que você encontrou nos mapas, ele estava... Modelando as coisas. Talvez ele seja o arquiteto que você está procurando.

Havia algo a respeito dele, exilada, algo que eu não consigo entender... Talvez... Não. Esse "Criador" pode ter as respostas.

Continue suas explorações, rastreie esse homem misterioso mais uma vez e o questione, para que nós possamos aprender para que exatamente esses mundos estão sendo criados.}
Os Observadores da Decadência{Tenho certeza que você notou tanto quanto eu, exilado, que você, eu, e meu pai... Não fomos as primeiras pessoas a por os pés nesse mundo. Existem sinais das vítimas do Ancião por todos os lados, assim como memórias e referências àqueles que se opuseram a ele à princípio.

Os Vigias da Decadência. Uma facção da qual talvez nós pudessemos aprender bastante. Enquanto você estava ocupado passando pelos enxames de abominações, eu tomei um tempo para explorar o Laboratório do meu Pai mais uma vez procurando por alguma referência que ele pudesse ter conseguido para esses "Vigias". Apesar de eu não ter conseguido nada relacionado a eles em nossa era moderna, haviam alguns pergaminhos remanescentes escondidos em baixo de umas tábuas no chão que detalhavam esse grupo como existêntes nos primórdios da história.

Os Vigias diziam ter tido seu início quando um deus sem nome de Wraeclast deu à uma mãe Azmeri conhecimento da existência do Ancião. Ela havia perdido seu filho para ele mêses antes, sabe, e buscou vingança. De alguma forma o deus achou que fosse justo ajudar a mulher em sua missão. Talvez ele sentiu pena dela? Ou talvez ele considerava o conhecimento uma maldição?}{Tenho certeza que você notou tanto quanto eu, exilada, que você, eu, e meu pai... Não fomos as primeiras pessoas a por os pés nesse mundo. Existem sinais das vítimas do Ancião por todos os lados, assim como memórias e referências àqueles que se opuseram a ele à princípio.

Os Vigias da Decadência. Uma facção da qual talvez nós pudessemos aprender bastante. Enquanto você estava ocupado passando pelos enxames de abominações, eu tomei um tempo para explorar o Laboratório do meu Pai mais uma vez procurando por alguma referência que ele pudesse ter conseguido para esses "Vigias". Apesar de eu não ter conseguido nada relacionado a eles em nossa era moderna, haviam alguns pergaminhos remanescentes escondidos em baixo de umas tábuas no chão que detalhavam esse grupo como existêntes nos primórdios da história.

Os Vigias diziam ter tido
O Devorador de MemóriasEssa... Coisa, parece ter se alimentado das memórias do meu pai. Caso ele coma o suficiente, nós teremos apenas uma casca oca... Um espectro e nada mais. A menos... Se nós localizássemos esses fragmentos de memória, então talvez pudéssemos restaurar sua mente e libertá-lo desse pesadelo.

Essa outra criatura complica as coisas no entanto... É um alien, ainda assim para mim, parece familiar de alguma forma, como um sonho ruim do qual você nunca se esquece. Tudo que me lembro é de um senso de horror malígno...

Ele precisa ser detido, o que quer que seja. Ele parece sangrar Decadência nas áreas ao redor. Se aquele mofo... voraz que cresce de sua própria sombra encontrasse seu caminho para Oriath e Wraeclast... nós não podemos deixar isso acontecer.
O Devorador de MemóriasIsso...isso deve ser o suficiente. Se é que ele vai se lembrar de algo que possa ajudar, a história de como ele chegou aqui é o que precisamos. Muito obrigado por encontrá-los, exilado. Imagino que não tenha sido fácil.

Agora precisamos restaurá-las para a mente do meu pai. Enquanto isso, aqui - tome isso. Eu o encontrei faz algum tempo enquanto fazia minhas próprias investigações nesse mundo. Veja isso como uma recompensa pelo seu trabalho.
O CriadorEstá tudo embaçado... Meu pai era o Arkhon chefe para o Alto Templário Venarius - um governador cruel e pernicioso. Venarius queria manter o mundo sob seu controle com essas relíquias ocultas vindas dos entulhos de Wraeclast, ele acreditava que eles venerariam sua posição ainda mais.

Meu pai foi forçado a experimentar no dispositivo de mapas para ele, esperando que ele pudesse descobrir algum tipo de arma. Eu não preciso te dizer que meu pai encontrou algo digno de atenção. E ao invés de entregá-lo, ele se assegurou que seu poder não fosse usado de forma errada, uma certeza que o custou sua liberdade e à mim... minha infância.
O AnciãoParece que meu Pai encontrou esse "Ancião" algum tempo antes de seu aprisionamento em seu covil. Vários dos seus registros passados fazem referência à criatura e seu aprendizado sobre ela. Não havia muito, somente mitos passados através dos diários dos Vigias da Decadência.

No entanto, um dos conceitos apareceu várias vezes. Esse Ancião não é um lorde em si. Ele serve à um mestre maior, ou... propósito maior... não estou certa. É confuso; tanto meu pai quanto os Vigias se referiram ao Ancião como "vindo do nada" enquanto também era chamado de "o que traz o nada." Também existem menções de um desejo maldito de apodrecer e decair... talvez tudo se relacione àqueles crescimentos fungais que vimos nos mapas de alguma forma...
As Vítimas do AnciãoEu venho pesquisando mais sobre o Ancião e sua batalha co os Vigias da Decadência. As coisas que eles passaram nas mãos da criatura são verdadeiramente arrasadoras.

Esses Vigias, eles eram todos... Pais. Parece que o Ancião preferia sua caça bem jovem. Esses homens e mulheres lutaram com unhas e dentes para vingar seus filhos, talvez até conseguiram por um tempo... Mas o Ancião esteve livre por quase duas décadas. Seu gosto pela comida poderia explicar o desaparecimento constante das crianças de classe alta em Oriath.

E se aquelas crianças ainda estiverem aqui, neste lugar? Deformadas, criaturas atormentadas, se agarrando a qualquer fragmento de memórias felizes restantes... precisamos aliviar seu sofrimento.
Os Guardiões do Elder{Exilado, é hora de darmos nossa cartada. Precisamos salvar meu pai. Essas memórias foram arrancadas de sua mente em um momento de grande violência. Temo que apenas grande violência poderá nos dar a oportunidade de retorná-las à ele.

Eu explorei esses mundos e estou certa de que meu pai está bem no centro do Atlas, mas como era de se esperar, ele não está sozinho lá. Quatro grandes brutos o rodeiam, e eu não consigo passar por eles. Se você fosse lá e removesse tais ameaças, então nós teríamos um caminho claro até meu pai, e nossa pequena "operação" poderá começar.}{Exilada, é hora de darmos nossa cartada. Precisamos salvar meu pai. Essas memórias foram arrancadas de sua mente em um momento de grande violência. Temo que apenas grande violência poderá nos dar a oportunidade de retorná-las à ele.

Eu explorei esses mundos e estou certa de que meu pai está bem no centro do Atlas, mas como era de se esperar, ele não está sozinho lá. Quatro grandes brutos o rodeiam, e eu não consigo passar por eles. Se você fosse lá e removesse tais ameaças, então nós teríamos um caminho claro até meu pai, e nossa pequena "operação" poderá começar.}
O Reino do CriadorO caminho está livre. Porém, nossa agenda não será fácil de seguir, exilado. Meu pai era do tipo de homem teimoso. Se algo daquela teimosia sobreviveu, então restaurar suas memórias não será uma tarefa fácil.

Precisamos entrar nesse novo reino de sombras no centro do Atlas e submeter sua loucura. Apenas então sua mente estará flexível o suficiente para lembrar destes fragmentos enquanto elas voltam à sua carne.
RefúgioEntendo que você criou um pequeno refúgio para si. Se tiver espaço, coabitação poderia permitir um fortalecimento à nossa aliança. O que acha?
Livro de MemóriasAs memórias do meu pai se aninham nesse lugar, como as primeiras folhas do outono. Eles poderiam muito bem ser as últimas coisas preciosas que tenho dele. Eu as guardei bem guardadas em um Livro de Memórias no Laboratório. Dessa forma, mesmo que nós falhemos em nossa missão, eu sempre terei uma gravação de seus últimos atos. Sinta-se livre para dar uma olhada nelas, caso você chegue a visitar o local.

PesquisaMeu pai era um homem muito bem educado. Ele trabalhou como pesquisador em Oriath, antes quando ele podia pesquisar mais do que apenas textos sagrados. É triste, mas agora ele se foi.

Mas sua pesquisa permaneceu em nosso sotão. Eu peguei o que pude e os li em segredo enquanto mudava entre lares adotivos. Li sobre os fundadores mortais cujos ossos foram escondidos nas profundezas do Ossuário. Eu li sobre os santos falsos que continuam a ser venerados no Templo da Inocência. Li suas escrições por várias vezes. As memorizei. Elas eram as últimas conexões que eu tinha sobre ele.

Sua pesquisa se tornou minha escapatória, creio eu. Eu queria complementá-la, especialmente os mapas que ele descreveu com tantos detalhes.
CorrupçãoAs inscrições do meu pai frequentemente faziam referência ao trabalho dos outros pesquisadores. Em partilar, à crença herética de que o ambiente pode influenciar a forma de uma criatura. Em Wraeclast, vimos o efeito que a corrupção teve nas bestas, humanos e até nos mortos.

Através do meu dispositivo de mapas pude ver algo similar... possivelmente até pior. Algo deturpante está lá fora. Eu costumava pensar que talvez a corrupção de Wraeclast estivesse vazando para o Atlas, mas e se for o contrário? E se o que quer que esteja distorcendo os mapas também esteja... E se estiver vazando aqui para o nosso mundo? É por isso que esse trabalho é atão importante.
Convidar ao RefúgioAcho que isso vai funcionar bem para nós. E ainda há espaço para mais alguns amigos.
Entregue o Fragmento de Memória IIUm fragmento da memória do meu Pai! Até nessa época o Atlas o chamava. Por favor, receba isso por sua ajuda...
Entregue o Fragmento de Memória III{Outro Fragmento! Então, como uma tentação, as terras dos sonhos o seduziram... Ah, sim - perdão. Para você, exilado.}{Outro Fragmento! Então, como uma tentação, as terras dos sonhos o seduziram... Ah, sim - perdão. Para você, exilada.}
Entregue o Fragmento de Memória IV{Mais memórias! O que é essa Sombra? Tais coisas não podem existir no mundo real, podem? Obrigado Exilado - aqui está algo para você.}{Mais memórias! O que é essa Sombra? Tais coisas não podem existir no mundo real, podem? Obrigado Exilada - aqui está algo para você.}
Entregue o Fragmento de Memória VDesse fragmento eu me lembro! Vi como seu trabalho o consumiu... Por favor, pegue isso, não deixe esse lugar prevalecer.

Entregue o Fragmento de Memória VIOutra memória! Poderia essa Sombra ser a criatura que vimos? Aqui está sua recompensa, agora vamos continuar nossa busca!

Entregue o Fragmento de Memória VIIUm fragmento que mantenho em minha memória. Eu achei que meus ossos quebrariam, ele me apertou tanto, choramingando durante a noite... Oh sim, aqui, pelos seus esforços.

Entregue o Fragmento de Memória VIIIAh sim, outra memória. Tio Eramir. Fico imaginando o que aconteceu com ele. Talvez com sua ajuda nós logo descobriremos.
Entregue o Fragmento de Memória IXUma memória que eu com certeza preferia esquecer. Ugh, um medo gelado passa pela minha espinha através das minhas veias... Por favor, tome isso e vamos acabar logo com essa missão!
Entregue o Fragmento de Memória XUma memória esperançosa talvez? Eu fico imaginando o que essa invenção do meu pai poderia ser. Ah sim, aqui está sua recompensa.
Entregue o Fragmento de Memória XIOutro dito fragmento. Venarius era cruel e um pequeno mestre. Aqui está um presente por um trabalho bem feito.
Entregue o Fragmento de Memória XIIMais memórias! Lembro dessas coisas, como se fossem pintadas em um quadro... Aqui, pegue sua recompensa, agora vamos voltar ao trabalho.
Entregue o Fragmento de Memória XIIIOutro fragmento... Aquele bastardo... Aqui está seu pagamento, Exilado, agora vamos termianar logo com isso. Estou cansada de lembrar.
Entregue o Fragmento de Memória XIVUma memória importante. É como se minha mente houvesse apagado a verdade horrível desses eventos... Sua recompensa. Espero que você faça bom uso.
Entregue o Fragmento de Memória XVIsso...isso deve ser o suficiente. Se é que ele vai se lembrar de algo que possa ajudar, a história de como ele chegou aqui é o que precisamos. Muito obrigado por encontrá-los, exilado. Imagino que não tenha sido fácil.

Agora precisamos restaurá-las para a mente do meu pai. Enquanto isso, aqui - tome isso. Eu o encontrei faz algum tempo enquanto fazia minhas próprias investigações nesse mundo. Veja isso como uma recompensa pelo seu trabalho.
Oferta de Mapa{Fantástico trabalho, exilado. Aqui, pegue um desses, nos ajudará a continuar perseguindo aquela entidade. }{Fantástico trabalho, exilada. Aqui, pegue um desses, nos ajudará a continuar perseguindo aquela entidade. }
Oferta de MapaPrecisamos continar pressionando. Aqui, isso deve ajudar. 
Oferta de MapaEnquanto ele estiver fugindo, nós continuaremos perseguindo. Aqui, pegue isso e tome cuidado por lá.
Oferta de MapaEle está recuando mais fundo no Atlas. Temos que continuar a perseguição! Use isso com sabedoria.
Introdução{Você não deveria estar aqui, exilado. É incrivelmente perigoso; o menor dos deslizes pode matá-lo. Dito isso, já que você está aqui mesmo, eu poderia usar sua ajuda.

Existe algo por aí, nos mapas. Algo que está... criando e moldando coisas. Não consigo descrever direito, mas o próprio tecido da realidade se torce em sua presença. Preciso encontrar a fonte destas perigosas manifestações antes que elas se espalhem por Wraeclast. Já que você está aqui, você poderia ajudar. Espero que você não enlouqueça ou desapareça como os últimos exilados que tentei recrutar.}{Você não deveria estar aqui, exilada. É incrivelmente perigoso; o menor dos deslizes pode matá-lo. Dito isso, já que você está aqui mesmo, eu poderia usar sua ajuda.

Existe algo por aí, nos mapas. Algo que está... criando e moldando coisas. Não consigo descrever direito, mas o próprio tecido da realidade se torce em sua presença. Preciso encontrar a fonte destas perigosas manifestações antes que elas se espalhem por Wraeclast. Já que você está aqui, você poderia ajudar. Espero que você não enlouqueça ou desapareça como os últimos exilados que tentei recrutar.}
IntroduçãoAinda há muito trabalho para ser feito, e não sabemos quanto tempo temos antes de tudo desaparecer no vazio. Vamos voltar ao trabalho.
_give_reward{Obrigada pela ajuda, exilado. Não consegui descobrir muita coisa sobre o que está acontecendo, mas você certamente abriu um caminho para mim, e isso é melhor que nada. Desculpe por te subestimar.

Precisarei continuar meu trabalho aqui por um tempo, antes que os últimos rastros do que esta destorcendo este mundo desapareçam. Encontre-me no Laboratório Eterno. Quero lhe mostrar algo.}{Obrigada pela ajuda, exilada. Não consegui descobrir muita coisa sobre o que está acontecendo, mas você certamente abriu um caminho para mim, e isso é melhor que nada. Desculpe por te subestimar.

Precisarei continuar meu trabalho aqui por um tempo, antes que os últimos rastros do que esta destorcendo este mundo desapareçam. Encontre-me no Laboratório Eterno. Quero lhe mostrar algo.}
Fale com ZanaPelo menos você está relativamente intacto... fisicamente, se não mentalmente. Você precisará se preparar melhor para a próxima vez, entendeu? Se é para o nosso mundo sobreviver, precisamos trabalhar juntos. Encontre-me no Laboratório Eterno. Quero lhe mostrar algo.
Fale com ZanaErros acontecem. Só espero que as consequências não sejam muito terríveis.
Fale com ZanaEstou ocupada. Falamos depois.
IntroduçãoVoltou para mais? Posso usar uma ajuda para retornar as ondas da loucura.
_give_rewardE de novo, você se prova mais do que capaz no atlas. Sinto-me esperançosa sobre essa aliança reconhecidamente desesperada. Preciso olhar melhor alguns dos estranhos cadáveres deixados para trás. Creio que eles carregam a chave para o que está acontecendo.

Venha me encontrar no Laboratório Eterno. Coletei mais mapas que podem ser úteis para você.
IntroduçãoEsses mundos estão ficando cada mais mais instáveis e inseguros, e isso não está parando. Vamos voltar ao trabalho.
A escuridão se aproxima no horizonte e precisamos pará-la. Vamos nos preparar para trabalhar.
Voltou para mais? Posso usar uma ajuda para retornar as ondas da loucura.
IntroduçãoAquela... coisa encapuzada... está lá, no atlas, cuidadosamente transformando vida nas monstruosidades que vemos. E isso tem o potencial de se espalhar para o nosso lar. Precisamos impedir isso. Vá e veja o que consegue encontrar.
Esses mundos estão ficando cada mais mais instáveis e inseguros, e isso não está parando. Vamos voltar ao trabalho.
A escuridão se aproxima no horizonte e precisamos pará-la. Vamos nos preparar para trabalhar.
Voltou para mais? Posso usar uma ajuda para retornar as ondas da loucura.
_give_rewardCada expedição de sucesso nos dá mais tempo. Só espero que seja o suficiente.
Fale com ZanaO que você viu lá... não é um bom sinal. Preciso de um tempo para pensar.
Estou feliz pelo seu ânimo em ajudar, mas eu preciso de mais tempo para planejar os próximos passos.
Não é sábio entrar em lugares desconhecidos tão rápido. Deixe-me formular um plano, depois falamos.
O seu trabalho está terminado por agora. Descanse um pouco e eu vou pensar no que fazer depois.
_give_reward{Eu estava errada em duvidar de você quando nos conhecemos, exilado.}{Eu estava errada em duvidar de você quando nos conhecemos, exilada.}
Fantástico! Vamos torcer para que isso faça a diferença.
A sobrevivência de Wraeclast é uma corrida contra o tempo. Uma corrida que acho que podemos ganhar.
Acho que estamos prestes a fazer uma grande descoberta.
_extra_mission_infoEsse local é de grande importância para os mundos vizinhos. Magnetitas taumaturgicamente carregadas já foram um lugar que fornecia estabilidade na área, mas algo as tirou do alinhamento. Preciso que você a encontre e as reative.
_extra_mission_infoExiste uma força maligna do outro lado do dispositivo de mapas que está imbuída com... bem, não sei exatamente o que, mas é extremamente poderoso. Você é mais habilidoso em combate do que eu, então eu preciso que você faça as honras.
_extra_mission_infoTenho uma suspeita de que há um mapa intrigante onde você está indo. Gostaria de que você fosse lá e descobrisse. Assim que descobrir, eu gostaria muito de examiná-lo, mas no fim das contas ele é de quem achar, e você pode fazer o que quiser com ele depois.
_extra_mission_infoExiste um poderoso artefato aguardando do outro lado do dispositivo de mapas que eu gostaria que você recuperasse. Estou preocupada que o que está moldando o mundo pode estar mudando mais do que apenas a paisagem. Se tudo der certo, para o vitorioso as recompensas vão. Com sorte, esse vitorioso será você.
_extra_mission_infoEstou tentando recrutar a ajuda de um dos nossos amigos, mas parece que um favor precisa de outro. Se você puder ir ajudá-lo a me ajudar, então eu posso ajudar você em troca.
_extra_mission_infoHá pouco tempo, eu tinha uma equipe de outros exilados com quem eu trabalhava. Infelizmente, algo... os contaminou. Eles não estão mais "normais", e se recusam a voltar. Eles também são muito perigosos para serem deixados por aí, então preciso que você acabe com eles. Tenha cuidado. Eles são extremamente hostis.
_extra_mission_infoHá uma horda de horrores corrompidos lá fora e eles estão começando a se espalhar rapidamente. Preciso que você os abata antes que cresçam mais e fujam do controle.
_extra_mission_infoPor sinal, esse mapa é particularmente perigoso, o que significa que preciso limitar acesso de entrada e saída. Você só tem uma chance. Não cometa erros!
_extra_mission_infoOutra coisa, energias estranhas estão fluindo lá fora, interferindo com a habilidade de fornecer uma conexão estável entre aqui e lá do meu dispositivo de mapas. Temos apenas uma brecha para fazer isso antes que eu precise desligá-lo, então depois de entrar, você precisa ser rápido.
_extra_mission_infoHá um problema. A conexão entre aqui e lá é frágil. Acredito que as criaturas que estão do outro lado são a fonte da instabilidade. Cada uma que você abater, deve lhe permitir ficar um pouco mais. Mas se a conexão ficar fraca demais, precisaremos abortar.
_extra_mission_infoE também, essa conexão aparenta ser instável por natureza, então não sei quanto tempo posso mantê-la aberta. Dito isso, se você puder ativar algumas pedras flutuantes no outro lado, talvez eu consiga ganhar mais tempo para você.
_extra_mission_infoAlgo do outro lado do meu dispositivo de mapas tomou posse de uma carta de adivinhação, uma que erradia energia suficiente para eu conseguir detectar daqui. Encontre a carta e traga-a de volta!
_extra_mission_infoAlgo sombrio entrou no reino que existe além do meu dispositivo de mapas. É uma presença diferente da que eu ando rastreando, mas tão sinistra quanto. Ela parece antiga... e sangrenta. Preciso que você descubra o que é.
_extra_mission_infoEncontrei sinais de uma estranha presença na área para a qual estou te enviando. Se parece com um enfraquecimento das bordas dos mapas. Algo está tentando quebrar a barreira e entrar naquele mundo em particular. Investigue o que está acontecendo, e se for perigoso, dê um fim a ele.
_extra_mission_infoPode soar estranho, mas eu tenho visto sinais de atividades sísmicas na área do outro lado desse portal. Estou preocupada que seja uma nova manifestação do que quer que esteja mexendo com as coisas. Encontre o que é e dê um fim à ele.
_extra_mission_infoDescobri uma anomalia interessante através do meu dispositivo de mapas. Parece ser algum tipo de desafio preenchido de armadilhas perigosas. Gostaria que você descobrisse o que está no fim dele.
_extra_mission_infoHá um altar estranho no próximo reino. Não sei o que ele faz e nem por que está lá, e francamente, a curiosidade tirou o melhor de mim. Encontre-o, ative-o e volte para cá!
_extra_mission_infoExistem algumas bestas por aí cujas as veias estão cheias de um sangue estranho fora deste mundo. Preciso que você acabe com elas, mas esteja preparado para qualquer coisa que derramar aquele sangue possa trazer.
_extra_mission_infoConsegui rastrear um potente baú de tesouros que pode nos ajudar. Essa foi a parte fácil. Agora preciso que você faça a parte difícil: batalhar até recuperá-lo. Claro, eu deixo você olhar as recompensas primeiro devido ao seu esforço.
_extra_mission_infoEnquanto eu investigava um rastro de energia, eu encontrei um grupo de pessoas nas extremidades de Wraeclast. Eles eram... menos que amigáveis, e eu tive sorte de sair viva.

Bem, eles ainda estão lá e estão atrapalhando o nosso trabalho. Acabe com eles.
_extra_mission_infoExiste uma presença aprisionada na área que eu estou te enviando. Tudo estaria bem se não soubéssemos que há uma outra presença lá, mexendo com as coisas. Se essa se livrar, não podemos imaginar que destruição ela pode causar! Preciso que você a destrua antes que haja uma oportunidade para as coisas fugirem do controle.
_extra_mission_infoPreciso que você cace uma poderosa criatura que invadiu este mapa e está enfurecida. Não tenho certeza, mas suspeito que isso está, de alguma maneira, relacionado ao ser interferindo com esses reinos.
_extra_mission_infoAlgo estranho entrou na área para a qual estou te enviando. Eu estava pronta para ignorá-lo, mas agora comecei a perceber mais sinais... Reforços, talvez. Isso poderia ser um presságio das coisas que estão por vir, e pode ser algo contra nós caso deixemos de lado, então preciso que você dê um jeito nisso.
_extra_mission_infoExiste um local repleto de perigos que preciso que você investigue. Preciso que você veja se a área é segura o suficiente, e se não for... Eu preciso que você {mude isso}.
_extra_mission_infoVocê precisa tomar cuidado lá fora. O "Ancião" está presente no local para onde você está indo. Eu senti suas monstruosidades aguardando por você no outro lado, então prepare-se para qualquer coisa, e por favor, não termine como meu pai.
_extra_mission_infoUma última coisa: O Criador está cuidando muito bem da área para a qual estou te enviando. Pode ser que você encontre algumas das suas crianções, então cuidado, foco no trabalho e volte seguro para casa.
Dispositivo de Mapas{Este dispositivo de mapas é um milagre da engenharia e da taumaturgia. É, sem dúvidas, surpreendente.

Com as coordenadas certas de um mapa, este dispositivo pode levá-lo a lugares que... bem, honestamente, eu acho que é mais fácil você ver por si mesmo do que ele é capaz.

O que lhe aguarda é perigoso, mas você também é. Porém, talvez mesmo o matador de deuses não seja perigoso o suficiente.

Pegue um Mapa e use-o neste dispositivo. Eu te espero do outro lado.}{Este dispositivo de mapas é um milagre da engenharia e da taumaturgia. É, sem dúvidas, surpreendente.

Com as coordenadas certas de um mapa, este dispositivo pode levá-lo a lugares que... bem, honestamente, eu acho que é mais fácil você ver por si mesma do que ele é capaz.

O que lhe aguarda é perigoso, mas você também é. Porém, talvez mesmo a matadora de deuses não seja perigosa o suficiente.

Pegue um Mapa e use-o neste dispositivo. Eu te espero do outro lado.}
O AtlasComo anda sua mente? Bom. Então há algo que preciso lhe mostrar. Passei um tempo explorando os mapas, e apesar de sua aparente aleatoriedade, existem fios que os conectam. Fios que precisamos seguir.

Quanto mais entendermos estas conexões, mais cada um desses mapas nos oferecerá, e mais perto conseguiremos chegar de encontrar o que os está corrompendo.

Esse é o Atlas dos Mundos, e podemos usá-lo para traçar essas conexões; podemos usá-lo para mapear um caminho.
O Arquiteto OcultoEsses mundos, eles mudaram desde a última vez. Se tornaram mais sombrios, mais... Distorcidos de forma à trair sua própria origem.

Eu não mais acredito que esses reinos aconteceram por acaso, ao invés disso, devem ter sido formulados por uma mente consciente... um designer ou arquiteto. Todas as sombras nesse lugar arrepiam com um propósito imprevisível.

O que quer que esteja lá formando esses mundos me preocupa. Nós deveríamos encontrar a fonte da escuridão e dar um fim nela antes que algo vaze para a nossa realidade.
O Arquiteto OcultoEsses mundos, eles mudaram desde a última vez. Se tornaram mais sombrios, mais... Distorcidos de forma à trair sua própria origem.

Eu não mais acredito que esses reinos aconteceram por acaso, ao invés disso, devem ter sido formulados por uma mente consciente... um designer ou arquiteto. Todas as sombras nesse lugar arrepiam com um propósito imprevisível.

O que quer que esteja lá formando esses mundos me preocupa. Nós deveríamos encontrar a fonte da escuridão e dar um fim nela antes que algo vaze para a nossa realidade.
O Arquiteto OcultoEu não fui completamente honesta com você... Eu suspeitava que meu pai estava envolvido em tudo isso, agora esse fragmento de memória prova seu envolvimento de forma que eu não havia antecipado... Desculpe por esconder a verdade de você. Eu estava preocupada que, se você soubesse a verdade, não me seguiria nesse pesadelo...

Vamos começar novamente. Eu preciso de sua ajuda. Minha memória está turva, mas te contarei tudo que consigo me lembrar. Quando era criança, meu pai e eu, nós fomos... separados. Me disseram que ele havia se perdido no reino fora da terra quando o Atlas se fechou, e os homens que o temiam o despedaçaram. Eu gastei minha vida inteira tentando juntar as peças e reparar sua máquina. Há alguns anos atrás, eu consegui. Mas agora que o encontramos, algo não está certo... Meu pai era um homem bom e equilibrado. Uma boa pessoa e um ser humano amável. Nada como aquela... coisa que você acabou de ver!

Por favor, tome isso. Eu a encontrei enquanto explorava. Com sorte ele nos ajudará a amenizar as coisas... e se você continuar me ajudando, prometo que encontrarei uma forma de valer a pena para você.
O Criador{Aquela criatura que você encontrou nos mapas, ele estava... Modelando as coisas. Talvez ele seja o arquiteto que você está procurando.

Havia algo a respeito dele, exilado, algo que eu não consigo entender... Talvez... Não. Esse "Criador" pode ter as respostas.

Continue suas explorações, rastreie esse homem misterioso mais uma vez e o questione, para que nós possamos aprender para que exatamente esses mundos estão sendo criados.}{Aquela criatura que você encontrou nos mapas, ele estava... Modelando as coisas. Talvez ele seja o arquiteto que você está procurando.

Havia algo a respeito dele, exilada, algo que eu não consigo entender... Talvez... Não. Esse "Criador" pode ter as respostas.

Continue suas explorações, rastreie esse homem misterioso mais uma vez e o questione, para que nós possamos aprender para que exatamente esses mundos estão sendo criados.}
Os Observadores da Decadência{Tenho certeza que você notou tanto quanto eu, exilado, que você, eu, e meu pai... Não fomos as primeiras pessoas a por os pés nesse mundo. Existem sinais das vítimas do Ancião por todos os lados, assim como memórias e referências àqueles que se opuseram a ele à princípio.

Os Vigias da Decadência. Uma facção da qual talvez nós pudessemos aprender bastante. Enquanto você estava ocupado passando pelos enxames de abominações, eu tomei um tempo para explorar o Laboratório do meu Pai mais uma vez procurando por alguma referência que ele pudesse ter conseguido para esses "Vigias". Apesar de eu não ter conseguido nada relacionado a eles em nossa era moderna, haviam alguns pergaminhos remanescentes escondidos em baixo de umas tábuas no chão que detalhavam esse grupo como existêntes nos primórdios da história.

Os Vigias diziam ter tido seu início quando um deus sem nome de Wraeclast deu à uma mãe Azmeri conhecimento da existência do Ancião. Ela havia perdido seu filho para ele mêses antes, sabe, e buscou vingança. De alguma forma o deus achou que fosse justo ajudar a mulher em sua missão. Talvez ele sentiu pena dela? Ou talvez ele considerava o conhecimento uma maldição?}{Tenho certeza que você notou tanto quanto eu, exilada, que você, eu, e meu pai... Não fomos as primeiras pessoas a por os pés nesse mundo. Existem sinais das vítimas do Ancião por todos os lados, assim como memórias e referências àqueles que se opuseram a ele à princípio.

Os Vigias da Decadência. Uma facção da qual talvez nós pudessemos aprender bastante. Enquanto você estava ocupado passando pelos enxames de abominações, eu tomei um tempo para explorar o Laboratório do meu Pai mais uma vez procurando por alguma referência que ele pudesse ter conseguido para esses "Vigias". Apesar de eu não ter conseguido nada relacionado a eles em nossa era moderna, haviam alguns pergaminhos remanescentes escondidos em baixo de umas tábuas no chão que detalhavam esse grupo como existêntes nos primórdios da história.

Os Vigias diziam ter tido
O Devorador de MemóriasEssa... Coisa, parece ter se alimentado das memórias do meu pai. Caso ele coma o suficiente, nós teremos apenas uma casca oca... Um espectro e nada mais. A menos... Se nós localizássemos esses fragmentos de memória, então talvez pudéssemos restaurar sua mente e libertá-lo desse pesadelo.

Essa outra criatura complica as coisas no entanto... É um alien, ainda assim para mim, parece familiar de alguma forma, como um sonho ruim do qual você nunca se esquece. Tudo que me lembro é de um senso de horror malígno...

Ele precisa ser detido, o que quer que seja. Ele parece sangrar Decadência nas áreas ao redor. Se aquele mofo... voraz que cresce de sua própria sombra encontrasse seu caminho para Oriath e Wraeclast... nós não podemos deixar isso acontecer.
O Devorador de MemóriasIsso...isso deve ser o suficiente. Se é que ele vai se lembrar de algo que possa ajudar, a história de como ele chegou aqui é o que precisamos. Muito obrigado por encontrá-los, exilado. Imagino que não tenha sido fácil.

Agora precisamos restaurá-las para a mente do meu pai. Enquanto isso, aqui - tome isso. Eu o encontrei faz algum tempo enquanto fazia minhas próprias investigações nesse mundo. Veja isso como uma recompensa pelo seu trabalho.
O CriadorEstá tudo embaçado... Meu pai era o Arkhon chefe para o Alto Templário Venarius - um governador cruel e pernicioso. Venarius queria manter o mundo sob seu controle com essas relíquias ocultas vindas dos entulhos de Wraeclast, ele acreditava que eles venerariam sua posição ainda mais.

Meu pai foi forçado a experimentar no dispositivo de mapas para ele, esperando que ele pudesse descobrir algum tipo de arma. Eu não preciso te dizer que meu pai encontrou algo digno de atenção. E ao invés de entregá-lo, ele se assegurou que seu poder não fosse usado de forma errada, uma certeza que o custou sua liberdade e à mim... minha infância.
O AnciãoParece que meu Pai encontrou esse "Ancião" algum tempo antes de seu aprisionamento em seu covil. Vários dos seus registros passados fazem referência à criatura e seu aprendizado sobre ela. Não havia muito, somente mitos passados através dos diários dos Vigias da Decadência.

No entanto, um dos conceitos apareceu várias vezes. Esse Ancião não é um lorde em si. Ele serve à um mestre maior, ou... propósito maior... não estou certa. É confuso; tanto meu pai quanto os Vigias se referiram ao Ancião como "vindo do nada" enquanto também era chamado de "o que traz o nada." Também existem menções de um desejo maldito de apodrecer e decair... talvez tudo se relacione àqueles crescimentos fungais que vimos nos mapas de alguma forma...
As Vítimas do AnciãoEu venho pesquisando mais sobre o Ancião e sua batalha co os Vigias da Decadência. As coisas que eles passaram nas mãos da criatura são verdadeiramente arrasadoras.

Esses Vigias, eles eram todos... Pais. Parece que o Ancião preferia sua caça bem jovem. Esses homens e mulheres lutaram com unhas e dentes para vingar seus filhos, talvez até conseguiram por um tempo... Mas o Ancião esteve livre por quase duas décadas. Seu gosto pela comida poderia explicar o desaparecimento constante das crianças de classe alta em Oriath.

E se aquelas crianças ainda estiverem aqui, neste lugar? Deformadas, criaturas atormentadas, se agarrando a qualquer fragmento de memórias felizes restantes... precisamos aliviar seu sofrimento.
Os Guardiões do Elder{Exilado, é hora de darmos nossa cartada. Precisamos salvar meu pai. Essas memórias foram arrancadas de sua mente em um momento de grande violência. Temo que apenas grande violência poderá nos dar a oportunidade de retorná-las à ele.

Eu explorei esses mundos e estou certa de que meu pai está bem no centro do Atlas, mas como era de se esperar, ele não está sozinho lá. Quatro grandes brutos o rodeiam, e eu não consigo passar por eles. Se você fosse lá e removesse tais ameaças, então nós teríamos um caminho claro até meu pai, e nossa pequena "operação" poderá começar.}{Exilada, é hora de darmos nossa cartada. Precisamos salvar meu pai. Essas memórias foram arrancadas de sua mente em um momento de grande violência. Temo que apenas grande violência poderá nos dar a oportunidade de retorná-las à ele.

Eu explorei esses mundos e estou certa de que meu pai está bem no centro do Atlas, mas como era de se esperar, ele não está sozinho lá. Quatro grandes brutos o rodeiam, e eu não consigo passar por eles. Se você fosse lá e removesse tais ameaças, então nós teríamos um caminho claro até meu pai, e nossa pequena "operação" poderá começar.}
O Reino do CriadorO caminho está livre. Porém, nossa agenda não será fácil de seguir, exilado. Meu pai era do tipo de homem teimoso. Se algo daquela teimosia sobreviveu, então restaurar suas memórias não será uma tarefa fácil.

Precisamos entrar nesse novo reino de sombras no centro do Atlas e submeter sua loucura. Apenas então sua mente estará flexível o suficiente para lembrar destes fragmentos enquanto elas voltam à sua carne.
Dispositivo de Mapas do RefúgioGostaria de deixar o meu dispositivo de mapas aqui, se você permitir. É um tipo de herança de família que eu gastei muito da minha infância tentando concertar, e eu não me perdoaria se eu deixasse que fosse danificado. Claro, você é mais do que bem-vindo para usar o tanto que quiser. E, eu acho que ficaria bem elegante aqui.
ExperiênciaAlgo que notei desde que começamos nossas jornadas por esses mapas é que quanto mais eu sei sobre a natureza interconectada desses lugares, mais parece que eu tiro de cada visita. Sabedoria é a chave que liberta o conhecimento, e experiência liberta a sabedoria.
Livro de MemóriasAs memórias do meu pai se aninham nesse lugar, como as primeiras folhas do outono. Eles poderiam muito bem ser as últimas coisas preciosas que tenho dele. Eu as guardei bem guardadas em um Livro de Memórias no Laboratório. Dessa forma, mesmo que nós falhemos em nossa missão, eu sempre terei uma gravação de seus últimos atos. Sinta-se livre para dar uma olhada nelas, caso você chegue a visitar o local.

PesquisaMeu pai era um homem muito bem educado. Ele trabalhou como pesquisador em Oriath, antes quando ele podia pesquisar mais do que apenas textos sagrados. É triste, mas agora ele se foi.

Mas sua pesquisa permaneceu em nosso sotão. Eu peguei o que pude e os li em segredo enquanto mudava entre lares adotivos. Li sobre os fundadores mortais cujos ossos foram escondidos nas profundezas do Ossuário. Eu li sobre os santos falsos que continuam a ser venerados no Templo da Inocência. Li suas escrições por várias vezes. As memorizei. Elas eram as últimas conexões que eu tinha sobre ele.

Sua pesquisa se tornou minha escapatória, creio eu. Eu queria complementá-la, especialmente os mapas que ele descreveu com tantos detalhes.
CorrupçãoAs inscrições do meu pai frequentemente faziam referência ao trabalho dos outros pesquisadores. Em partilar, à crença herética de que o ambiente pode influenciar a forma de uma criatura. Em Wraeclast, vimos o efeito que a corrupção teve nas bestas, humanos e até nos mortos.

Através do meu dispositivo de mapas pude ver algo similar... possivelmente até pior. Algo deturpante está lá fora. Eu costumava pensar que talvez a corrupção de Wraeclast estivesse vazando para o Atlas, mas e se for o contrário? E se o que quer que esteja distorcendo os mapas também esteja... E se estiver vazando aqui para o nosso mundo? É por isso que esse trabalho é atão importante.
Fale com ZanaNão é sábio entrar em lugares desconhecidos tão rápido. Deixe-me formular um plano, depois falamos.
Com algumas tochas, um estante de livros, talvez um espaço para leitura, esse lugar pode ficar bem aconchegante mesmo.
Entregue o Fragmento de Memória IIUm fragmento da memória do meu Pai! Até nessa época o Atlas o chamava. Por favor, receba isso por sua ajuda...
Entregue o Fragmento de Memória III{Outro Fragmento! Então, como uma tentação, as terras dos sonhos o seduziram... Ah, sim - perdão. Para você, exilado.}{Outro Fragmento! Então, como uma tentação, as terras dos sonhos o seduziram... Ah, sim - perdão. Para você, exilada.}
Entregue o Fragmento de Memória IV{Mais memórias! O que é essa Sombra? Tais coisas não podem existir no mundo real, podem? Obrigado Exilado - aqui está algo para você.}{Mais memórias! O que é essa Sombra? Tais coisas não podem existir no mundo real, podem? Obrigado Exilada - aqui está algo para você.}
Entregue o Fragmento de Memória VDesse fragmento eu me lembro! Vi como seu trabalho o consumiu... Por favor, pegue isso, não deixe esse lugar prevalecer.

Entregue o Fragmento de Memória VIOutra memória! Poderia essa Sombra ser a criatura que vimos? Aqui está sua recompensa, agora vamos continuar nossa busca!

Entregue o Fragmento de Memória VIIUm fragmento que mantenho em minha memória. Eu achei que meus ossos quebrariam, ele me apertou tanto, choramingando durante a noite... Oh sim, aqui, pelos seus esforços.

Entregue o Fragmento de Memória VIIIAh sim, outra memória. Tio Eramir. Fico imaginando o que aconteceu com ele. Talvez com sua ajuda nós logo descobriremos.
Entregue o Fragmento de Memória IXUma memória que eu com certeza preferia esquecer. Ugh, um medo gelado passa pela minha espinha através das minhas veias... Por favor, tome isso e vamos acabar logo com essa missão!
Entregue o Fragmento de Memória XUma memória esperançosa talvez? Eu fico imaginando o que essa invenção do meu pai poderia ser. Ah sim, aqui está sua recompensa.
Entregue o Fragmento de Memória XIOutro dito fragmento. Venarius era cruel e um pequeno mestre. Aqui está um presente por um trabalho bem feito.
Entregue o Fragmento de Memória XIIMais memórias! Lembro dessas coisas, como se fossem pintadas em um quadro... Aqui, pegue sua recompensa, agora vamos voltar ao trabalho.
Entregue o Fragmento de Memória XIIIOutro fragmento... Aquele bastardo... Aqui está seu pagamento, Exilado, agora vamos termianar logo com isso. Estou cansada de lembrar.
Entregue o Fragmento de Memória XIVUma memória importante. É como se minha mente houvesse apagado a verdade horrível desses eventos... Sua recompensa. Espero que você faça bom uso.
Entregue o Fragmento de Memória XVIsso...isso deve ser o suficiente. Se é que ele vai se lembrar de algo que possa ajudar, a história de como ele chegou aqui é o que precisamos. Muito obrigado por encontrá-los, exilado. Imagino que não tenha sido fácil.

Agora precisamos restaurá-las para a mente do meu pai. Enquanto isso, aqui - tome isso. Eu o encontrei faz algum tempo enquanto fazia minhas próprias investigações nesse mundo. Veja isso como uma recompensa pelo seu trabalho.
Oferta de Mapa{Fantástico trabalho, exilado. Aqui, pegue um desses, nos ajudará a continuar perseguindo aquela entidade. }{Fantástico trabalho, exilada. Aqui, pegue um desses, nos ajudará a continuar perseguindo aquela entidade. }
Oferta de MapaPrecisamos continar pressionando. Aqui, isso deve ajudar. 
Oferta de MapaEnquanto ele estiver fugindo, nós continuaremos perseguindo. Aqui, pegue isso e tome cuidado por lá.
Oferta de MapaEle está recuando mais fundo no Atlas. Temos que continuar a perseguição! Use isso com sabedoria.
NikoEu vi homens e mulheres enlouquecerem, mas eu nunca vi um caso como o do Niko... Eu acho que os minérios e compostos que ele manipula afetaram sua mente. E ele parece estar ciente disso. Pode mesmo ser chamado de loucura quando é consequência do seus próprios feitos? Uma pena. Tenho certeza de que encontraremos muitos ambientes subterrâneos onde sua experiência seria valiosa, mas não posso arriscar nossa segurança. O Atlas por si só já apresenta uma possível ameaça à sanidade... colocar mais pressão sobre Niko pode mandá-lo para a beira do abismo.

EinharQuando eu era jovem eu costumava brincar com o gato de rua do bairro, e um dia ele começou a me trazer camundongos. Einhar é aquele gato de rua. Ele tem tentado te alimentar com carne crua também? Eu simplesmente não tenho coragem de dizer a ele como é intragável. Na primeira vez que ele me deu um pedação de bife cru, comecei a cozinhá-lo sobre o fogo e ele me disse que eu estava "estragando todo o bom vermelho". Desde então, eu escondo quando ele não está olhando. Às vezes eu abro um mapa e embrulho lá. Eu sei que é meio irresponsável, mas... Einhar é um amor. Eu não preciso ver sob a máscara para saber o quão profunda são suas emoções, e não suportaria machucá-lo. Cuidado onde anda. Pode acabar pisando numas sobras cruas. 
AlvaComo colega exploradora, devo admitir admiração pela Alva. Suas motivações podem não ser tão filantrópicas quanto as minhas, mas é inegável que seus métodos trazem resultados. Me pergunto que tipo de repercussão sua viagem no tempo está tendo sobre nós... Claro! Mas nós também não sabemos quais são as conseqüências da nossa viagem pelo Atlas, e não vou atirar pedras de dentro da minha casinha de vidro. Eu gostaria que ela enxergasse além do lucro, mas todos nós nos beneficiamos de suas descobertas de uma forma ou de outra.
NavaliOs poderes da Navali são impressionantes, sim, mas eles não são ilimitados. Parece que seu conhecimento das coisas que estão por vir é restrito ao nosso domínio, por mais amplo que ele seja. Quando se trata do Atlas, suas previsões não parecem tão confiáveis. Eu me pergunto o quanto disso é devido à fonte de seus poderes... ela afirma ter recebido a dádiva da visão da deusa Karui, Hinekora, mas desde que os deuses retornaram, eu não ouvi nada sobre Hinekora. Será que Navali está sendo enganada por uma entidade maliciosa? Ou Hinekora se mantém escondida? Talvez a deusa simplesmente não tenha interesse em nós, já que ela tem seu próprio bando para cuidar. De qualquer forma, vale a pena lembrar que, embora Navali seja uma boa amiga, ela tem seus próprios interesses, como qualquer pessoa; interesses que podem ser os de seu benfeitor. 
JunEu tentei conhecer a Jun, e talvez eu esteja enganada, mas eu não acho que ela gosta de mim. Sempre que eu tento falar com ela, ela fica quieta e desvia o olhar. Eu já a vi brigar, então eu não acho que ela seja exatamente tímida... e eu a vejo olhando para mim de vez em quando. Longas encaradas. Do tipo que se faz quando está perdido em pensamentos. O que será que eu fiz para ofendê-la? Não importa! Eu vou persistir. Tenho certeza que com um pouco mais de tempo, nos tornaremos amigas rapidamente.
HelenaGostaria de dizer que confio na Helena, mas já vi muitos dos Guardas Negros do Dominus ficarem loucos de repente. O treinamento e doutrinação que eles sofrem não deixa muito espaço para juízo próprio. Não quero ser indelicada. Ela fez muito por nós, mas estaria mentindo se dissesse que não durmo com uma faca embaixo do travesseiro quando ela está por perto.
O Ancião{Está acontecendo, não está? O Ancião está indo. Estamos no fim da estrada, Exilado. Parece que teremos sucesso? Ou o horizonte não possui nada mais do que morte e decadência? Espero que esteja preparado, meu amigo.

Precisamos enfraquecer a criatura antes que a Arcana Cósmica possa fazer seu trabalho. Te desejo sorte, e caso não nos encontremos novamente... foi uma honra lutar ao seu lado.}{Está acontecendo, não está? O Ancião está indo. Estamos no fim da estrada, Exilada. Parece que teremos sucesso? Ou o horizonte não possui nada mais do que morte e decadência? Espero que esteja preparado, minha amiga.

Precisamos enfraquecer a criatura antes que a Arcana Cósmica possa fazer seu trabalho. Te desejo sorte, e caso não nos encontremos novamente... foi uma honra lutar ao seu lado.}
O Ancião{Você é rápido, exilado. Estou feliz que tenha decidido continuar comigo nisso. Olha, parece que minhas preocupações se... Justificavam. A Decadência que vimos pelo Atlas, está aqui. Talvez nossas atividades no Atlas tenham enfraquecido as barreiras entre esse mundo e os mapas. Sem a força total do meu Pai para manter-la presa, o verdadeiro mestre do Ancião - a Decadência - está vazando.

Prometi que lhe recompensaria por me ajudar a encontrar meu pai, bem, aqui está - um item do escritório secreto do meu Pai. Por favor, pegue-o e permaneça nessa jornada comigo - ainda existe muito que podemos completar juntos.}{Você é rápido, exilada. Estou feliz que tenha decidido continuar comigo nisso. Olha, parece que minhas preocupações se... Justificavam. A Decadência que vimos pelo Atlas, está aqui. Talvez nossas atividades no Atlas tenham enfraquecido as barreiras entre esse mundo e os mapas. Sem a força total do meu Pai para manter-la presa, o verdadeiro mestre do Ancião - a Decadência - está vazando.

Prometi que lhe recompensaria por me ajudar a encontrar meu pai, bem, aqui está - um item do escritório secreto do meu Pai. Por favor, pegue-o e permaneça nessa jornada comigo - ainda existe muito que podemos completar juntos.}
O Apodrecimento{É isso. O dispositivo que pode nos salvar. "A Arcana Cósmica." Com isso, poderemos forçar o Ancião dos mapas para dentro da não-realidade abstrata. A pegadinha? Precisamos utilizá-la no centro do Atlas. O nexus dos mundos onde o véu está mais fino.

É aí que você entra, exilado. Preciso que você atraia o Ancião para aquele lugar. Eu utilizarei essa arma para removê-lo daquele mundo. Mas se mantenha focado meu pai ainda está bem ativo. Ele foi enfraquecido na última batalha, mas sabendo de sua loucura atual, eu duvido que ele tenha parado sua luta contra o Ancião. Precisamos conduzir esse esforço final com um cuidado especial...}{É isso. O dispositivo que pode nos salvar. "A Arcana Cósmica." Com isso, poderemos forçar o Ancião dos mapas para dentro da não-realidade abstrata. A pegadinha? Precisamos utilizá-la no centro do Atlas. O nexus dos mundos onde o véu está mais fino.

É aí que você entra, exilada. Preciso que você atraia o Ancião para aquele lugar. Eu utilizarei essa arma para removê-lo daquele mundo. Mas se mantenha focada, meu pai ainda está bem ativo. Ele foi enfraquecido na última batalha, mas sabendo de sua loucura atual, eu duvido que ele tenha parado sua luta contra o Ancião. Precisamos conduzir esse esforço final com um cuidado especial...}
A Arcana CósmicaAgora eu lembro de quase tudo sobre os estudos do meu Pai sobre o dispositivo de mapas. Eu lembro como ele se trancava em seu escritório para trabalhar nessa arma. Eu consegui ler suas notas sobre a arma enquanto eu aguardava por sua chegada. A ciência é... incompreensível pra dizer o mínimo. O que posso dizer é que a Arcana exibe uma explosão de ira uma vez que tenha sido completamente carregada, e quando direcionada ao Ancião o forçará a tomar a forma que tinha antes de entrar em nossa dimensão.

Nós sabemos que essa forma, como descrito pelo meu pai, não possuia corpo. Resumindo - o que não é físico não pode existir numa dimensão física. Ele será forçado a voltar para o lugar de onde veio, e com sorte impossibilitado de retornar. Como eu disse, é um pouco tênue, mas eu confio em meu pai, e essa é a única esperança que tenho.
O Criador{Acho que entendo agora... Esse Atlas, esses mapas... Eles são mundos tanto quanto os palcos para performances no Teatro de Theopolis. Esses mundos são meramente disfarces para o que realmente está por trás das cortinas.

Esse lugar... Esse é o nexus dos mundos do Ancião, o lugar onde todos os campos de caçada são formados... Estamos próximos ao vácuo do qual ele nasceu, ainda assim meu Pai escolheu isso como casa. É realmente curioso. Se escondendo na multidão? Porém, qual captão não frequenta as entranhas de seu navio? Talvez o Ancião raramente visite esse lugar. Ele está ocupado demais, creio eu, caçando e se alimentando em algum outro lugar nos mapas...

Exilado, eu lerei as memórias do meu Pai. Continue indo, vasculhe esse lugar, encontre meu Pai, mas cuidado com os horrores que percorrem os corredores dessa máquina vil.}{Acho que entendo agora... Esse Atlas, esses mapas... Eles são mundos tanto quanto os palcos para performances no Teatro de Theopolis. Esses mundos são meramente disfarces para o que realmente está por trás das cortinas.

Esse lugar... Esse é o nexus dos mundos do Ancião, o lugar onde todos os campos de caçada são formados... Estamos próximos ao vácuo do qual ele nasceu, ainda assim meu Pai escolheu isso como casa. É realmente curioso. Se escondendo na multidão? Porém, qual captão não frequenta as entranhas de seu navio? Talvez o Ancião raramente visite esse lugar. Ele está ocupado demais, creio eu, caçando e se alimentando em algum outro lugar nos mapas...

Exilada, eu lerei as memórias do meu Pai. Continue indo, vasculhe esse lugar, encontre meu Pai, mas cuidado com os horrores que percorrem os corredores dessa máquina vil.}
O CriadorAcho que entendo agora... Esse Atlas, esses mapas... Eles são mundos tanto quanto os palcos para performances no Teatro de Theopolis. Esses mundos são meramente disfarces para o que realmente está por trás das cortinas. E aqui estamos nós, bravo exploradores, vasculhando os bastidores. Quais tesouros encontraremos aqui? Quais horrores?
Laboratório TemplárioAntes de Kitava despedaçar essa cidade, os Templares mantiveram vários artefatos escondidos nas entranhas das ruas da cidade. Os únicos restos que sobreviveram da teocracia Templária são o que eles esperavam guardar para sempre.

Eu acho que é hora de remover o véu. Existe uma entrada para o Laboratório Templário não tão distânte daqui. Meu pai costumava me deixar entrar escondida quando criança. Ele não conseguia ficar muito longe de mim enquanto trabalhava...

Venha, há algo lá que eu quero que veja.
ExiladoEu, assim como você, fui exilada para Wraeclast. Eu vi frotas de navios Oriathianos naufragados contra as pedras depois da ascensão de Kitava. Quem imaginaria que Wraeclast fosse mais segura que o nosso lar?

Eu retornei à Oriath pouco depois de escutar sobre a derrota de Kitava. Não sobrou ninguém para nos dizer que não podemos viver aqui, e o conhecimento pelo qual fui exilada pode ser colocado em bom uso nos nossos esforços de limpar e reconstruir.

Acho que não sou de guardar rancores.
KitavaQue alívio. Com toda honestidade, eu pensei que os deuses eram apenas contos de fadas que os Templários contavam às crianças para elas se comportarem. Eu preferiria que isso tivesse sido verdade.

Ninguém está feliz sobre o que aconteceu aqui, mas se existe um lado bom, agora temos a oportunidade de começar do zero. Todos os nossos atos passados, bons ou ruins, agora estão enterrados debaixo de destroços.
Ver TemploEu, assim como você, me encontrei nas praias de Wraeclast. Vi as frotas de navios Oriatianos se partirem nas pedras após Kitava se erguer. Quem diria que Wraeclast seria mais segura que meu lar?

Retornei a Oriath pouco tempo após o falecimento de Kitava. Não existe ninguém mais para nos dizer que não podemos mais viver aqui, e o conhecimento que uma vez me colocou em perigo finalmente foi colocado em bom uso nos esforços de limpeza e reconstrução.

Creio que eu não seja do tipo que guarde rancor.
OriathPedras de boa qualidade estão escarças nesta ilha. Existem muitas em Wraeclast, mas trazê-las por navios demoraria muito, e esses navios seriam melhores usados resgatando sobreviventes.

Talvez eu conheça uma maneira para podermos conseguir vastas quantidade de não apenas pedras, mas qualquer recurso que podemos imaginar. Eu só preciso me certificar de que é seguro.
Introdução{Meu nome é Zana, mas eu já sei quem você é. Eu também sei o que você fez, exilado. Se não fosse por você, nenhum de nós estaria aqui ainda…onde quer que "aqui" seja.}{Meu nome é Zana, mas eu já sei quem você é. Eu também sei o que você fez, exilada. Se não fosse por você, nenhum de nós estaria aqui ainda…onde quer que "aqui" seja.}
Complete o MapaOlhe ao seu redor, exilado. Essa não é Oriath, nem Wraeclast. Eu sequer penso que seja nosso mundo. Estes mapas, eles possuem vários segredos… Eu sei, parecem muito familiares, mas as criaturas aqui -- elas são… diferentes. Mais agressivas. Mais perigosas.

Nós precisamos trabalhar rápido, explorar e coletar todo conhecimento que pudermos. No passado, minhas expedições iniciais foram acompanhadas de mercenários e ladrões. Quase me enlouqueceram. Creio que você possa suportar as loucuras assustadores desse reino, mas primeiro, vamos testar sua determinação...

Uma presença poderosa está por perto. Mate-o antes que ele se fortaleça, e me encontre novamente em nosso mundo. Caso sobreviva, teremos muito a discutir...
O Criador{Ele foi forçado a recuar agora, mas sem os fragmentos das memórias do meu pai, ele nunca o libertará de sua prisão mental. Exilado, por favor, vamos continuar em nosso caminho. Meu pai não merece isso. Ele deveria estar em paz.}{Ele foi forçado a recuar agora, mas sem os fragmentos das memórias do meu pai, ele nunca o libertará de sua prisão mental. Exilada, por favor, vamos continuar em nosso caminho. Meu pai não merece isso. Ele deveria estar em paz.}
O Criador{Suas memórias... De mim... Se foram. Devoradas por aquela abominação! Maldito seja! Meu pai... Nunca mais me conhecerá novamente.

Ao menos... Ao menos eu conseguirei falar com ele uma última vez. Ele me reconheceu. Você viu aquilo, Exilado? Ele reconheceu meu rosto!... e agora ele esta sendo atormentado novamente.

Se não conseguirmos restaurar suas memórias, então precisaremos libertá-lo dessa prisão. Não acredito que vou te pedir isso, mas precisamos derrotar esse Ancião. Talvez com ele fora do caminho, meu Pai desistirá de seu fantasma e finalmente descansará.}{Suas memórias... De mim... Se foram. Devoradas por aquela abominação! Maldito seja! Meu pai... Nunca mais me conhecerá novamente.

Ao menos... Ao menos eu conseguirei falar com ele uma última vez. Ele me reconheceu. Você viu aquilo, Exilada? Ele reconheceu meu rosto!... e agora ele esta sendo atormentado novamente.

Se não conseguirmos restaurar suas memórias, então precisaremos libertá-lo dessa prisão. Não acredito que vou te pedir isso, mas precisamos derrotar esse Ancião. Talvez com ele fora do caminho, meu Pai desistirá de seu fantasma e finalmente descansará.}
A Chave do Criador{O que descobriu, exilado? Ah! A chave para seu escritório particular em Oriath! Se o que ele disse é verdade, então deve existir algum tipo de arma dentro que possa parar esse "Ancião". E devemos impedí-lo.

Eu sei que peço mais do que você ofereceu, mas essa criatura - nós dois vimos os efeitos que ele tem nos mapas. Ele espalha a Decadência... que nasce de suas vítimas. Se a Decadência conseguisse sair dos mapas, como estou certo que são suas intenções, o mundo inteiro estaria perdido para aqueles esporos malígnos!

Vamos partir de volta para Theopolis agora e investigar essa pista. Por favor, se existe alguma decencia em si exilado, me encontre lá quando estiver pronto e nós deveremos começar a planejar nosso ataque.}{O que descobriu, exilada? Ah! A chave para seu escritório particular em Oriath! Se o que ele disse é verdade, então deve existir algum tipo de arma dentro que possa parar esse "Ancião". E devemos impedí-lo.

Eu sei que peço mais do que você ofereceu, mas essa criatura - nós dois vimos os efeitos que ele tem nos mapas. Ele espalha a Decadência... que nasce de suas vítimas. Se a Decadência conseguisse sair dos mapas, como estou certo que são suas intenções, o mundo inteiro estaria perdido para aqueles esporos malígnos!

Vamos partir de volta para Theopolis agora e investigar essa pista. Por favor, se existe alguma decência em si exilada, me encontre lá quando estiver pronto e nós deveremos começar a planejar nosso ataque.}
A Chave do Criador{O que descobriu, exilado? Ah! A chave para seu escritório particular em Oriath! Se o que ele disse é verdade, então deve existir algum tipo de arma dentro que possa parar esse "Ancião". E devemos impedí-lo.

Eu sei que peço mais do que você ofereceu, mas essa criatura - nós dois vimos os efeitos que ele tem nos mapas. Ele espalha a Decadência... que nasce de suas vítimas. Se a Decadência conseguisse sair dos mapas, como estou certo que são suas intenções, o mundo inteiro estaria perdido para aqueles esporos malígnos!

Vamos partir de volta para Theopolis agora e investigar essa pista. Por favor, se existe alguma decencia em si exilado, me encontre lá quando estiver pronto e nós deveremos começar a planejar nosso ataque.}{O que descobriu, exilada? Ah! A chave para seu escritório particular em Oriath! Se o que ele disse é verdade, então deve existir algum tipo de arma dentro que possa parar esse "Ancião". E devemos impedí-lo.

Eu sei que peço mais do que você ofereceu, mas essa criatura - nós dois vimos os efeitos que ele tem nos mapas. Ele espalha a Decadência... que nasce de suas vítimas. Se a Decadência conseguisse sair dos mapas, como estou certo que são suas intenções, o mundo inteiro estaria perdido para aqueles esporos malígnos!

Vamos partir de volta para Theopolis agora e investigar essa pista. Por favor, se existe alguma decência em si exilada, me encontre lá quando estiver pronto e nós deveremos começar a planejar nosso ataque.}
O Criador{Suas memórias... De mim... Se foram. Devoradas por aquela abominação! Maldito seja! Meu pai... Nunca mais me conhecerá novamente.

Ao menos... Ao menos eu conseguirei falar com ele uma última vez. Ele me reconheceu. Você viu aquilo, Exilado? Ele reconheceu meu rosto!... e agora ele esta sendo atormentado novamente.

Se não conseguirmos restaurar suas memórias, então precisaremos libertá-lo dessa prisão. Não acredito que vou te pedir isso, mas precisamos derrotar esse Ancião. Talvez com ele fora do caminho, meu Pai desistirá de seu fantasma e finalmente descansará.}{Suas memórias... De mim... Se foram. Devoradas por aquela abominação! Maldito seja! Meu pai... Nunca mais me conhecerá novamente.

Ao menos... Ao menos eu conseguirei falar com ele uma última vez. Ele me reconheceu. Você viu aquilo, Exilada? Ele reconheceu meu rosto!... e agora ele esta sendo atormentado novamente.

Se não conseguirmos restaurar suas memórias, então precisaremos libertá-lo dessa prisão. Não acredito que vou te pedir isso, mas precisamos derrotar esse Ancião. Talvez com ele fora do caminho, meu Pai desistirá de seu fantasma e finalmente descansará.}
O Criador{Suas memórias... De mim... Se foram. Devoradas por aquela abominação! Maldito seja! Meu pai... Nunca mais me conhecerá novamente.

Ao menos... Ao menos eu conseguirei falar com ele uma última vez. Ele me reconheceu. Você viu aquilo, Exilado? Ele reconheceu meu rosto!... e agora ele esta sendo atormentado novamente.

Se não conseguirmos restaurar suas memórias, então precisaremos libertá-lo dessa prisão. Não acredito que vou te pedir isso, mas precisamos derrotar esse Ancião. Talvez com ele fora do caminho, meu Pai desistirá de seu fantasma e finalmente descansará.}{Suas memórias... De mim... Se foram. Devoradas por aquela abominação! Maldito seja! Meu pai... Nunca mais me conhecerá novamente.

Ao menos... Ao menos eu conseguirei falar com ele uma última vez. Ele me reconheceu. Você viu aquilo, Exilada? Ele reconheceu meu rosto!... e agora ele esta sendo atormentado novamente.

Se não conseguirmos restaurar suas memórias, então precisaremos libertá-lo dessa prisão. Não acredito que vou te pedir isso, mas precisamos derrotar esse Ancião. Talvez com ele fora do caminho, meu Pai desistirá de seu fantasma e finalmente descansará.}
O Ancião{Nós conseguimos... Acabou... Finalmente acabou. Meu pai, onde quer que ele esteja, posso sentí-lo. Ele está em paz... Obrigado, exilado.

A Arcana! Funcionou! E eu não me preocupei nem por um segundo! Porém... O Ancião e a Decadência... Apesar de termos banido ambos, o encontro me... mudou de alguma forma. Eu sinto a criatura, coçando a pele entre as dimensões. Ele está desesperado. Está... tentando encontrar uma forma de voltar.

Eu não acho que dormirei por muito tempo. Preciso me assegurar que estarei preparada caso ele retorna. Talvez eu restaure os Vigias da Decadência para ajudar a guardar nosso mundo... Esse lugar - o Atlas, é do Ancião. Com um pouco mais de pesquisa ele poderia nos dar algumas outras pistas sobre a natureza exata da Decadência. Caso queira, sinta-se livre para estudar e explorar esses mundos comigo. Talvez você ainda possa fazer algo de bom por esse lugar - as vítimas do Ancião - todas aquelas crianças... devem existir milhares deles, vagando por essas terras, distorcidos e corrompidos, sozinhos - talvez até com medo. Como meu Pai, eles estão implorando para serem libertados de seu tormento. Matá-los seria um ato de misericórdia. Você poderia ser um agente misericordioso, meu amigo.

Por enquanto, preciso deixá-lo. Preciso me preparar para nossa próxima expedição.}{Nós conseguimos... Acabou... Finalmente acabou. Meu pai, onde quer que ele esteja, posso sentí-lo. Ele está em paz... Obrigado, exilada.

A Arcana! Funcionou! E eu não me preocupei nem por um segundo! Porém... O Ancião e a Decadência... Apesar de termos banido ambos, o encontro me... mudou de alguma forma. Eu sinto a criatura, coçando a pele entre as dimensões. Ele está desesperado. Está... tentando encontrar uma forma de voltar.

Eu não acho que dormirei por muito tempo. Preciso me assegurar que estarei preparada caso ele retorna. Talvez eu restaure os Vigias da Decadência para ajudar a guardar nosso mundo... Esse lugar - o Atlas, é do Ancião. Com um pouco mais de pesquisa ele poderia nos dar algumas
O Ancião{Nós conseguimos... Acabou... Finalmente acabou. Meu pai, onde quer que ele esteja, posso sentí-lo. Ele está em paz... Obrigado, exilado.

A Arcana! Funcionou! E eu não me preocupei nem por um segundo! Porém... O Ancião e a Decadência... Apesar de termos banido ambos, o encontro me... mudou de alguma forma. Eu sinto a criatura, coçando a pele entre as dimensões. Ele está desesperado. Está... tentando encontrar uma forma de voltar.

Eu não acho que dormirei por muito tempo. Preciso me assegurar que estarei preparada caso ele retorna. Talvez eu restaure os Vigias da Decadência para ajudar a guardar nosso mundo... Esse lugar - o Atlas, é do Ancião. Com um pouco mais de pesquisa ele poderia nos dar algumas outras pistas sobre a natureza exata da Decadência. Caso queira, sinta-se livre para estudar e explorar esses mundos comigo. Talvez você ainda possa fazer algo de bom por esse lugar - as vítimas do Ancião - todas aquelas crianças... devem existir milhares deles, vagando por essas terras, distorcidos e corrompidos, sozinhos - talvez até com medo. Como meu Pai, eles estão implorando para serem libertados de seu tormento. Matá-los seria um ato de misericórdia. Você poderia ser um agente misericordioso, meu amigo.

Por enquanto, preciso deixá-lo. Preciso me preparar para nossa próxima expedição.}{Nós conseguimos... Acabou... Finalmente acabou. Meu pai, onde quer que ele esteja, posso sentí-lo. Ele está em paz... Obrigado, exilada.

A Arcana! Funcionou! E eu não me preocupei nem por um segundo! Porém... O Ancião e a Decadência... Apesar de termos banido ambos, o encontro me... mudou de alguma forma. Eu sinto a criatura, coçando a pele entre as dimensões. Ele está desesperado. Está... tentando encontrar uma forma de voltar.

Eu não acho que dormirei por muito tempo. Preciso me assegurar que estarei preparada caso ele retorna. Talvez eu restaure os Vigias da Decadência para ajudar a guardar nosso mundo... Esse lugar - o Atlas, é do Ancião. Com um pouco mais de pesquisa ele poderia nos dar algumas
Memória Perdida{Sinto muito, exilado, aquela memória se foi. Não fomos rápidos o suficiente. }{Sinto muito, exilada, aquela memória se foi. Não fomos rápidos o suficiente. }
Oh... fomos lentos demais para salvar a memória... Pelo menos Venarius não irá pegá-la.
__reaction__Interessante... parece que há mais dessa memória. Temos que continuar procurando!
Acho que talvez essa não seja a história completa... Vamos continuar procurando.
Há mais dessa memória, eu sei. Talvez encontraremos o resto em outro lugar. 
__reaction__Monstros... usar uma criança desse jeito... o Império Eterno foi de fato cruel.
__reaction__Uma única decisão feita por medo teve consequências tão graves. Será que, se aquela pesquisa tivesse sido exposta, o culto a Kitava teria sido impedido antes de devastar Oriath?
__reaction__{Exilado. Se algum dia você me encontrar presa numa teia assim... acabe com meu sofrimento. }{Exilada. Se algum dia você me encontrar presa numa teia assim... acabe com meu sofrimento. }
__reaction__Eu não o conheci diretamente, mas acho que sei de quem é essa memória. É de alguém sobre quem Helena fala: Eramir. Acho que agora ele mora com os Azmeri. 
__reaction__Que malícia desonesta. A guerra realmente traz o pior das pessoas, não é? Estou certa de que isso pertence a algum pobre Karui.
__reaction__{Sabe o que eu acho mais perturbador nessa memória, Exilado? Ninguém envolta levantou um dedo sequer para ajudar Drusus. }{Sabe o que eu acho mais perturbador nessa memória, Exilada? Ninguém envolta levantou um dedo sequer para ajudar Drusus. }
__reaction__{Isso foi emocionante, Exilado! Foi como realmente ver a mente e o coração de outra pessoa, vivendo e respirando aqui comigo. Por que sua memória era tão intensa? Eu ainda posso sentir Victario, como se ele tivesse saído daqui apenas agora. }{Isso foi emocionante, Exilada! Foi como realmente ver a mente e o coração de outra pessoa, vivendo e respirando aqui comigo. Por que sua memória era tão intensa? Eu ainda posso sentir Victario, como se ele tivesse saído daqui apenas agora. }
__reaction__{Ugh, meu pescoço está duro. Era você, Exilado? Você estava naquela memória, parecendo um bagaço!}{Ugh, meu pescoço está duro. Era você, Exilada? Você estava naquela memória, parecendo um bagaço!}
__reaction__Ugh, me sinto enojada e suja com os pensamentos vis de alguém intensamente egoísta. Foi... o Malachai? O monstro que provocou o Cataclismo? Eu acabei de reviver esse momento?
__reaction__Isso foi... profundamente desconfortável de presenciar.
__reaction__{Eu a vi, Exilado... Eu vi a Rainha dos Vaal! Ela tinha uma presença tão terrível...}{Eu a vi, Exilada... Eu vi a Rainha dos Vaal! Ela tinha uma presença tão terrível...}
__reaction__Aquela era... Merveil? Coitada. Em algum lugar dentro de sua forma monstruosa viveu a mulher que ela fora. Que maldição terrível. 
__reaction__Os humanos parecem acreditar que o mundo tem uma decência inerente. Isso custou a vida daqueles homens.
__reaction__Depois de tudo que aconteceu, essa aqui toca numa ferida.
__reaction__Você conhece bem a injustiça Templária. Espero que tenha conseguido pelo menos apelar o seu caso.
__reaction__{Exilado! Esse foi o momento em que Venarius decidiu aproveitar a vida e disputar o poder. Esse foi o momento em que foi garantida a ruína para homens como meu pai.}{Exilada! Esse foi o momento em que Venarius decidiu aproveitar a vida e disputar o poder. Esse foi o momento em que foi garantida a ruína para homens como meu pai.}
__reaction__Do jeito que Oriath se encontra, temo que não estamos longe de seguir por esse mesmo caminho. Pelo menos podemos eliminar Venarius dessa memória.
__reaction__Hmm, essa memória parece ser antiga demais para pertencer ao Venarius
__reaction__Ha! Sabemos como isso terminou, não é?
__reaction__Maldito... aquele maldito! Você acha que ele sabia o que ele estava prestes a soltar sobre nós? Não... Eu não acredito que alguém faria isso de propósito. 
__reaction__{Gostaria de poder dizer o que ele lembrou, Exilado. Parece que essas memórias são limitadas. }{Gostaria de poder dizer o que ele lembrou, Exilada. Parece que essas memórias são limitadas. }
__reaction__Ha! Sabemos como isso terminou, não é?
__reaction__Então isso que é fé... Eu conheço religião, mas nunca acreditei de fato no que os Templários nos ensinaram. Tive uma pequena experiência do que é uma vida sem dúvidas. Devo dizer que entendo a fascinação.
__reaction__{Eles comeram-- Deuses, Exilado...! Isso me deixa enojada. }{Eles comeram-- Deuses, Exilada...! Isso me deixa enojada. }
__reaction__Eu me senti tão... Tão forte! Mas não pude deixar de sentir que estava à beira de um colapso. Que sensação terrível! Esse foi o Carcereiro de Axiom?
__reaction__É difícil de acreditar, mas os Eternos de Sarn naquela época eram ainda mais podres do que as pessoas de Oriath hoje. Acho que o Império estaria condenado independente do Cataclismo.
__reaction__Uma memória de alguém próximo ao Inquisidor... Que emocionante! Aposto que muitos historiadores se interessariam por esse achado. 
__reaction__{Será...? Exilado, parece a entidade que assombra meu pai. Mas... A memória é tão antiga. Como é possível?}{Será...? Exilada, parece a entidade que assombra meu pai. Mas... A memória é tão antiga. Como é possível?}
__reaction__O mais horrível é que eu tenho certeza de que aquele foi um ato de misericórdia da mãe.
__reaction__Que horror... O que será que aconteceu com aquelas crianças? Talvez seja melhor não saber. 
__reaction__{Recolhemos várias memórias, Exilado. Agora pode ser uma boa hora para visitar o Nexus de Memórias. Talvez possamos atrair aquela cobra traiçoeira do Venarius para fora de seu esconderijo. }{Recolhemos várias memórias, Exilada. Agora pode ser uma boa hora para visitar o Nexus de Memórias. Talvez possamos atrair aquela cobra traiçoeira do Venarius para fora de seu esconderijo. }
__reaction__Eu acho... acho que essa é uma memória do Venarius. Que horror. Por que ele se juntaria a uma organização assim?
__reaction__Essa memória foi bem brutal. Sabe, eu nunca me atrevi a perguntar, mas a Jun é uma Vento Mudo?
__reaction__Deuses, o terror que tomou conta dele em sua hora final. Espero nunca sentir aquilo de novo!
__reaction__{Exilado, como um fantasma forma memórias se não tem cérebro? Parece que há muito mais para se descobir nesse mundo. }{Exilada, como um fantasma forma memórias se não tem cérebro? Parece que há muito mais para se descobir nesse mundo. }
__reaction__Não sabia que montanhas áridas poderiam ser tão belas.
__reaction__Tantos livros foram destruídos pelos problemas que Wraeclast teve ao longo dos anos. Espero um dia poder ajudar a reconstruir as bibliotecas de Oriath com conhecimentos novos.
__reaction__Apenas seguindo ordens... Covardezinho de m--! Quantas vidas se perderam por causa de alguém que não se posicionou pelo que era certo? Não tinham vontade própria?
__reaction__{Ela chorou, Exilado. Eu a senti cair. Que angústia terrível ela sentiu...}{Ela chorou, Exilada. Eu a senti cair. Que angústia terrível ela sentiu...}
__reaction__Ela chorou, Exilado. Eu a senti cair. Que angústia terrível ela sentiu...
__reaction__Ah, o que eu daria por uma vida pacata...
__reaction__Parece que as minas de Highgate foram trancadas antes que as pessoas fossem evacuadas... que destino terrível.
__reaction__Em algum lugar da história, as velhas religiões se perderam. Ou talvez esse seja o caminho que toda religião toma, eventualmente...
__reaction__Bom, não tenho certeza de quem era aquela memóiria, mas posso dizer que não se deve comer cogumelos desconhecidos.
__reaction__Finalmente, uma memória que não fez eu querer me jogar em posição fetal e chorar!
__reaction__Confrontar a própria mortalidade é sempre inquietante, não é? Creio que Venarius não seria tão humilde quanto o dono dessa memória.
__reaction__Esse era o Venarius quando criança? Acho que talvez era... a sociedade não mudou muito desde sua juventude. 
__reaction__Um jovem Venarius, inocente e indefeso. Se ele tivesse ficado longe. Nunca deixo de me surpreender com as mudanças que uma pessoa pode passar em sua vida. 
__reaction__Essa foi com certeza uma memória de um dos Alto Templários, Na verdade, acho que não foi muio antes dele falar com meu pai!
__reaction__Ah, o que eu daria por uma vida pacata...
__reaction__{Não é tudo tragédia e tristeza, Exilado. Vale a pena lembrar disso. }{Não é tudo tragédia e tristeza, Exilada. Vale a pena lembrar disso. }
__reaction__A coisa mais triste sobre essa memória é o fato de não ser nenhuma surpresa. É difícil dizer de quem foi essa memória. Certamente não do Venarius. Mas não me surpreenderia saber que ele era o juiz. 
__reaction__Esse deve ser um dos escravos Eternos... um Ezomita, talvez. Mas a base embaixo da pedra? O que seria?
__reaction__Roth? Será que-- Não, é coincidência demais... Ainda assim, será que...
__reaction__Apenas uma prova de que o mundo à nossa volta está em ruínas. As coisas sempre podem piorar.
__reaction__É difícil sentir pena de um homem desse, desesperado desse jeito. 
__reaction__Essa foi a ascenção ao poder de Dominus. Lembro-me de ver a fumaça do orfanato... foi logo depois do desaparecimento do meu pai. 
__reaction__Sabendo o que sabemos agora sobre os deuses, acho que é certo dizer que benevolência não era o motivo.
__reaction__Exilado, quem era esse? Como ele conseguiu pedaços do dispositivo de mapa? Foram então depois entregues ao meu pai?
__reaction__Ugh, me sinto repugnante depois dessa. Mesmo dentro da memória eu podia sentir a presença do Malachai rodeando minha mente como dedinhos ávidos. 
__reaction__{Há horas, Exilado, em que eu gostaria que essas memórias não fossem tão vívidas. Às vezes eu não preciso saber o cheiro delas. }{Há horas, Exilada, em que eu gostaria que essas memórias não fossem tão vívidas. Às vezes eu não preciso saber o cheiro delas. }
__reaction__Senti meu corpo se dividir em duas partes. Agonia! É a última coisa de que me lembro. Essa memória deve pertencer a Ondar, o Traidor. Não sei por que, mas sempre achei que isso fosse um mito... mas parece que não. 
__reaction__{Exilado. Se algum dia você me encontrar presa numa teia assim... acabe com meu sofrimento. }{Exilada. Se algum dia você me encontrar presa numa teia assim... acabe com meu sofrimento. }
__reaction__{Ugh. Que forma desagradável de morrer. Exilado, se me encontrar desse jeito, já sabe o que fazer, né?}{Ugh. Que forma desagradável de morrer. Exilada, se me encontrar desse jeito, já sabe o que fazer, né?}
__reaction__Que horrível... Os fundadores de Sarn! Não é um começo muito promissor. 
__reaction__Huh... nunca me senti tão perdida antes... Não gostei. Acho que prefiro saber exatamente aonde estou. 
Venarius{ Não posso… eu não… Exilado, você sabia? Não, claro que não. Acho que Venarius nem sabia quem ele era, como você saberia? Mas ele sabe agora, e parece que ele deve lembrar de muitas outras coisas também. Se Venarius é capaz de reescrever memórias, ele pode plantar ideias muito perigosas nas mentes vulneráveis. Precisamos achar essas memórias antes dele. Não se preocupe, você não está sozinho. Somos um time. }{ Não posso… eu não… Exilada, você sabia? Não, claro que não. Acho que Venarius nem sabia quem ele era, como você saberia? Mas ele sabe agora, e parece que ele deve lembrar de muitas outras coisas também. Se Venarius é capaz de reescrever memórias, ele pode plantar ideias muito perigosas nas mentes vulneráveis. Precisamos achar essas memórias antes dele. Não se preocupe, você não está sozinha. Somos um time. }

Mesa de Criação /190

MasterNomeMaster LevelCost
ZanaTesouro da Caverna7150000
ZanaBandeira7150000
ZanaCadeira Amplificadora7150000
ZanaBarril do Exército de Oriath31740
ZanaCaixote de Suprimentos de Oriath31740
ZanaCaixote de Armas de Oriath2860
ZanaSuprimentos de Oriath43220
ZanaCaixote de Armaduras de Oriath49530
ZanaSoldado de Elite de Oriath Morto43220
ZanaSoldado de Oriath Morto31740
ZanaSoldado de Oriath Sentado Morto31740
ZanaPeças de Soldado de Oriath Morto31740
ZanaPilha de Soldados de Oriath Mortos612700
ZanaFita Morta22160
ZanaGuardião Morto35200
ZanaSentinela Morto35200
ZanaCandelabro22160
ZanaPoltrona522500
ZanaCadeira de Jantar522500
ZanaPrateleira522500
ZanaMesa de Estudos757000
ZanaPenteadeira31740
ZanaArmário49530
ZanaGaiola7150000
ZanaPintura Quebrada31740
ZanaEstante de Livros638000
ZanaCadeira do Templo22160
ZanaDivisória do Templo49530
ZanaMesa de Desenho522500
ZanaLâmpada Pendurada638000
ZanaCapacho do Templo35200
ZanaEstandarte Ornamentado522500
ZanaVasilha Ornamentada12300
ZanaPilha de Livros1860
ZanaMesa Longa43220
ZanaBanquinho do Templo1860
ZanaConjunto de Chá612700
ZanaBalcão de Ferramentas Douradas612700
ZanaCadeira Ornamentada313800
ZanaSofá do Templo35200
ZanaSofá-Cama6102000
ZanaLâmpada em Pé49530
ZanaMesa425300
ZanaEstoques425300
ZanaBerço Dourado425300
ZanaCadeira313800
ZanaJaula313800
ZanaBastonada313800
ZanaDama de Ferro560000
ZanaFilha do Carniceiro22160
ZanaMesa de Experimentos7150000
ZanaUrna757000
ZanaTenda do Exército de Oriath49530
ZanaTenda do Exército de Oriath7150000
ZanaBola de Catapulta7150000
ZanaVaso Negro25760
ZanaVaso Dourado25760
ZanaArco Dourado7150000
ZanaGaiola Pequena560000
ZanaGaiola Média7150000
ZanaGaiola Grande7150000
ZanaEncanamento de Bronze22160
ZanaAparelho de Extração313800
ZanaCadeira de Jantar638000
ZanaCadeira Altiva757000
ZanaTriclínico638000
ZanaMesa de Jantar7150000
ZanaMesinha7150000
ZanaBusto Dourado425300
ZanaEstátua Dourada425300
ZanaEstátua Dourada Média560000
ZanaEstátua Dourada Grande7150000
ZanaArco do Templo560000
ZanaEstátua Dourada6150000
ZanaBaú Dourado560000
ZanaBrilho Dourado757000
ZanaCartas de Exílio7150000
ZanaBarras Douradas560000
ZanaTapete Vermelho49530
ZanaPilar de Templo638000
ZanaColunas7150000
ZanaBanca638000
ZanaMesa6102000
ZanaPilares e Bandeira6102000
ZanaTrono de Templo7150000
ZanaFaixas Arenosas612700
ZanaFlores da Arena757000
ZanaVaso de Flores612700
ZanaDestroços de Pilares57500
ZanaPilar Fino638000
ZanaEstrutura de Porta638000
ZanaDecoração Clássica de Parede522500
ZanaMadeira Lascada31740
ZanaPilar Ferroviário43220
ZanaRoseta57500
ZanaEstátua Dourada6102000
ZanaColuna Circular6102000
ZanaEstátua do Santuário7150000
ZanaÁrvore Congelada7150000
ZanaÁrvore Verdejante7150000
ZanaLivros Oriatianos2860
ZanaBanco do Tribunal35200
ZanaBusto do Tribunal57500
ZanaCadeira com Braço do Tribunal313800
ZanaFerramentas de Interrogação313800
ZanaMoldura de Dominus719000
ZanaCadeira de Interrogação49530
ZanaEstátua da Justiça7150000
ZanaMesa de Leitura522500
ZanaCriado Mudo do Tribunal35200
ZanaMesa de Café49530
ZanaEstante de Livros da Corte638000
ZanaTapete Templário43220
ZanaMesa do Tribunal522500
ZanaPedestal do Juri638000
ZanaMesa do Tribunal522500
ZanaMesa de Escrever522500
ZanaLivros Queimados57500
ZanaCadeira Queimada57500
ZanaTapete Queimado57500
ZanaEstante de Livros Queimada612700
ZanaMesa Queimada612700
ZanaPlantadora Ornamentada638000
ZanaVaso de Plantas522500
ZanaEstátua de Oriath7150000
ZanaTapete da Casa de Banhos522500
ZanaMosaico da Casa de Banhos6102000
ZanaArco da Torre560000
ZanaArco de Tijolo522500
ZanaDetritos da Torre57500
ZanaPlacas de Madeira1860
ZanaParede do Altar do Céu757000
ZanaPorta do Altar do Céu757000
ZanaMosaico do Altar do Céu757000
ZanaPilar do Altar do Céu757000
ZanaDestroços do Altar do Céu57500
ZanaBarricada Quebrada57500
ZanaDetritos da Ponte43220
ZanaPoste de Lanterna43220
ZanaCírculo de Convocação425300
ZanaMastro Quebrado57500
ZanaCaixa em Ruínas57500
ZanaCarrinho de Cadáveres638000
ZanaGuindaste de Cadáveres7150000
ZanaParede em Ruínas638000
ZanaPortão Arqueado7150000
ZanaDetritos da Catedral612700
ZanaPódio da Catedral7150000
ZanaAzuleijos da Catedral57500
ZanaCadeira Confortável7150000
ZanaEscravo Morto43220
ZanaForca de Escravos7150000
ZanaBlocos de Gelo2720
ZanaImagem de Catarina7360000
ZanaImagem de Elreon7360000
ZanaImagem de Haku7360000
ZanaImagem de Leo7360000
ZanaImagem de Tora7360000
ZanaImagem de Vagan7360000
ZanaImagem de Vorici7360000
ZanaQueimador de Incenso25760
ZanaAltar de Innocence313800
ZanaBanco de Innocence12300
ZanaCandelabro de Innocence35200
ZanaVela de Innocence1280
ZanaOferendas de Innocence425300
ZanaCriado Mudo de Innocence25760
ZanaEstátua de Innocence7150000
ZanaPedestal de Estátua de Innocence6102000
ZanaGabine da Cozinha522500
ZanaBarrís de Oriath1280
ZanaBrazeiro de Oriath57500
ZanaGalpão da Guarda de Oriath7150000
ZanaEscada de Oriath43220
ZanaLaterna de Oriath31740
ZanaDestroços de Oriath612700
ZanaAndaimes de Oriath757000
ZanaSuspiro da Fênix719000
ZanaÁrvore Pohutukawa7150000
ZanaPartes do Portal6102000
ZanaMonte de Neve2720
ZanaBarricada Templária57500
ZanaCadáver Templário43220
ZanaMesa de Experimentos Templária1280
ZanaMesa de Tortura Templária6102000
ZanaCesta de Vime31740
ZanaBalde de Madeira43220
ZanaEscravo Machucado57500
ZanaCrânio de Kitava6244000
ZanaPétalas da Arena43220